SEJA BEM VINDO
DOM MÁRIO

Paulo Afonso BA realizará a 2ª edição da Semana Municipal Dom Mário Zanetta

Os eventos ocorrem de hoje (08.11) a (13.11).

08/11/2020 10h32Atualizado há 3 semanas
Por: Pedro Son
Fonte: panoticias
174

Sancionada em 2019 como projeto de lei na Câmara Municipal de Paulo Afonso, será realizada, neste ano, a 2ª edição da Semana Municipal Dom Mário Zanetta, em Paulo Afonso (BA). Devido a pandemia do novo coronavírus, a programação, que iniciará no domingo (08) e se estenderá até a próxima sexta (13), contará com lives e celebrações eucarísticas nas diversas paróquias da cidade.

Veja a programação completa abaixo:

  As transmissões acontecerão pelas redes sociais da Diocese.

https://www.instagram.com/catedraldepauloafonso/

https://www.instagram.com/diocesepauloafonso/

 Dom Mário Zanetta, nasceu aos 29 de janeiro de 1938 em Santo Stefano di Borgomanero, na província de Novara, norte da Itália. Em 1949 ingressou no Seminário. Recebeu as “ordens menores” em 1957 e em 20 de dezembro de 1961 foi ordenado diácono. No dia 24 de junho de 1962, foi ordenado sacerdote.

Após alguns anos como vigário coadjutor na Itália, aceitou o convite para ser missionário e no dia 24 de maio de 1969 os padres Lourenço Tori e Mário Zanetta chegam a Paulo Afonso/BA.

No dia 3 de fevereiro de 1973, padre Lourenço Tori morre tragicamente num acidente. Padre Mário recolhe a herança do amigo e segue em frente. Nos 15 anos seguintes Padre Mário tornou-se um dos protagonistas do tumultuado e rápido crescimento de Paulo Afonso. Construiu creches e escolas, incentivou mutirões, encaminhou dezenas de pequenas atividades produtivas, se solidarizou com greves e protestos, edificou igrejas e capelas, constituiu grupos e movimentos, formou centenas de lideranças.

Quando Dom Aloysio Penna foi transferido para a Diocese de Bauru/SP, foi nomeado bispo pelo Papa João Paulo II. Em 14 de agosto de 1988 é sagrado Bispo por Dom Aloysio Penna, seu predecessor. De 1988 a 1998 foram 10 anos de grande atividade episcopal. Criou novas paróquias, ordenou padres, trouxe para trabalhar na diocese numerosas comunidades de religiosas e alguns sacerdotes. Incentivou a formação e estruturação das pequenas comunidades de base e de grupos, movimentos e associações. Fiel ao seu lema episcopal, “Cremos na Caridade”, Dom Mário foi grande defensor das causas sociais. A estas ações maiores há de se acrescentar milhares de pessoas que foram pessoalmente beneficiadas em suas pequenas ou grandes necessidades.

Dom Mário foi um apaixonado pela comunicação e deixou grandes realizações neste campo: Editora Fonte Viva, TV Fonte Viva em Paulo Afonso, Rádio Regional de Cícero Dantas e Rádio Vaza Barris em Jeremoabo.

A ação e o entusiasmo de Dom Mário transbordavam os limites da Diocese de Paulo Afonso. Desde 1995 era presidente do Regional Nordeste 3 da CNBB, Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, que compreendia 23 dioceses de Bahia e Sergipe. Foi presidente nacional da CPP, Comissão Pastoral dos Pescadores. Por conta deste cargo, visitou colônias de pescadores artesanais em todo o Brasil. Era também presidente, pelo segundo mandato do IRPAA, Instituto Regional para a Pequena Agropecuária Apropriada, com sede em Juazeiro/BA.

Acometido por grave acidente vascular cerebral, no dia 04 de novembro de 1998, faleceu em Recife no dia 13 de novembro. Foi enterrado em Paulo Afonso ao lado dos restos mortais de Padre Lourenço Tori, companheiro da primeira e desta derradeira hora.

  • Paulo Afonso BA realizará a 2ª edição da Semana Municipal Dom Mário Zanetta
  • Paulo Afonso BA realizará a 2ª edição da Semana Municipal Dom Mário Zanetta
Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários