SEJA BEM VINDO
carne clandestina

Carne clandestina de cavalos entra no cardápio dos catarinenses

o flagrante foi em Imarui, sul do estado

16/08/2020 19h43Atualizado há 1 mês
Por: Pedro Son
Fonte: canal rural
267

A Polícia Civil de Santa Catarina fechou um abatedouro clandestino de cavalos no município de Imaruí, no sul do estado, nesta sexta-feira, 14.08. Dois homens foram presos e relataram aos agentes que participaram da ação que a carne de cavalo era vendida a um açougue em Tubarão.

Os policiais chegaram ao local após investigações realizadas a respeito de furtos de cavalos na região. Foi descoberto um possível local onde esses animais estariam sendo abatidos e cortados para a venda, situado na localidade de Sítio Novo, na área rural de Imaruí, que passou a ser monitorado.

Os dois homens presos foram flagrados esquartejando um animal que estava içado no local. Foram encontrados dois barris com carnes já selecionadas e restos de animais. Os homens informaram então que não se tratava de um bovino, mas de um cavalo. De acordo com a Polícia Civil catarinense, a carne era vendida ao açougue por R$ 7 o quilo. Foram apreendidos cerca de 450 kg de carne.

Carcaças

Os criminosos disseram que no terreno em torno do abatedouro clandestino haveria cerca de 30 carcaças de cavalos enterradas. Os dois homens foram autuados em flagrante por crime de maus tratos contra animais, em razão de terem abatido dois exemplares em condições precárias; e por crimes contra as relações do consumo, já que mantinham um depósito para a venda de mercadoria em maneira imprópria.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários