Indústria sergipana de laticinios comprará leite em Jeremoabo

 Indústria sergipana de laticínios monta estrutura de primeiro mundo para compra leite em Jeremoabo e região

A indústria Sabe Alimentos, sediada em Muribeca, às margens da BR 110,  no estado de Sergipe, está se preparando para colocar em funcionamento a sua moderna fábrica de laticínios, onde serão produzidos leite condensado, leite longa vida, creme de leite e bebidas lácteas. A produção diária deverá ser de 250 mil litros de leite e terá capacidade de armazenamento para 375 mil litros.  Para tanto, a empresa está montando uma estratégia de incentivo aos produtores de leite de Jeremoabo e dos municípios circunvizinhos.

Em entrevista à Rádio Jeremoabo FM, no programa jornalístico Notícias da 106, ancorado por Adalberto Moreno e Márcia Penedo, o Gerente de Política Leiteira e Médico Veterinário da Sabe Alimentos, Wolney Brito, disse que não haverá intermediário. “Nós trataremos de uma relação produtor com a indústria. Para você ter uma ideia do nível de investimento que estamos fazendo, não permitimos a capacitação de leite coletiva; cada produtor de leite vai ter o seu tanque resfriador. A Instrução Normativa do  Ministério da Agricultura não permite o transporte de leite em latões, então nós atenderemos a lei no que diz respeito ao quesito higiene, da mastite, da proteína e da gordura, para que isso venha agregar valor ao produto. No sistema convencional, o leite é levado para o tanque coletivo. No sistema da Sabe, o tanque fica na propriedade do produtor. Os tanques serão distribuídos de acordo com a capacidade de produção de cada um. Quanto aos produtores familiares, esses terão que se organizarem em forma de associação para receberem os benefícios”.

De acordo com Wolney o pagamento será semanal, já que os produtores têm seus compromissos, principalmente com pagamento de pessoal no final de cada semana.

Hoje, 18, aconteceu uma reunião na Câmara de Vereadores de Jeremoabo, das 10h00 às 12h00, entre representantes da empresa Sabe e produtores de leite para esclarecimentos de dúvidas.

Mais informações podem ser adquiridas pelo telefone (79) 3225 3700 ou pelo site www.sabealimentos.com.br.

Fonte: Adalberto Moreno/www.jeremoaboagora.com.br

 

Jeremoabo participa da Conferência Setorial de Cultura Negra

 Conferência setorial da cultura negra ressalta a importância do incentivo e apoio a tradição afrobrasileira

 Com o objetivo de elaborar propostas de políticas públicas voltadas para a cultura de matriz africana, a Secretaria de Cultura do estado da Bahia – SecultBA, através da Fundação Pedro Calmon e do Centro de Culturas Populares e Identitárias, realizou nesta quarta-feira, 16, a Conferencia Setorial de Cultura Afro-brasileira, que aconteceu na Biblioteca Publica do Estado da Bahia. O encontro contou com representantes dos diversos territórios da Bahia e os resultados serão apresentado na IV Conferência Estadual de Cultura, que começará dia 30 de novembro, em Vitória da Conquista. De Salvador e do interior do estado, representantes de associações e projetos culturais, quilombos, terreiros, grupos de capoeira e do poder público de Jeremoabo, Santo Amaro, São Felix, Cachoeira, Eunápolis, Itabuna, Candeias, Banzaê, Nordestina, Abaré, Monte Santo, Bom Jesus da Lapa, Barreiras, Poções , Camaçari e Salvador se reuniram para eleger as prioridades desta área e elaborar propostas que poderão vir a compor o Plano Estadual de Cultura da Bahia.

A abertura contou com a presença do secretário Estadual de Cultura, Albino Rubim, do Secretário Municipal de Reparação, Ailton Ferreira, de Arany Santana, diretora do Centro de Culturas Populares e Identitárias, de Ubiratan Castro, diretor da Fundação Pedro Calmon, Adalberto Santos, superintendente de Desenvolvimento Territorial da Cultura, e Mestre Felipe, representando a sociedade civil. A cultura afrobrasileira é forte marca da identidade baiana e da sua singularidade. Não existiria a cultura baiana como conhecemos hoje sem esta influência africana.

Para o secretário Albino Rubim, “a realização dessa Conferência Setorial e do próprio Centro de Culturas Populares e Identitárias são provas do reconhecimento da importância desta cultura e do interesse do Governo do Estado de criar, em parceria com as comunidades, políticas democráticas voltadas para a valorização e o desenvolvimento da cultura afrobrasileira”, afirma o secretário de Cultura da Bahia.

O secretário Municipal da Reparação, Ailton Ferreira,  ”este encontro é muito para a agenda política do Movimento Negro da Bahia e  está acontecendo num momento importante, de comemoração ao Ano Internacional Afrodescendente.”  Esta data, criada pela ONU, está sendo celebrada na Bahia com o Encontro Ibero-Americano do Ano Internacional dos Afrodescendentes – Afro XXI, que acontece de hoje ao dia 19 de novembro, no Centro de Convenções, reunindo representantes de diversos países e Chefes de Estado, entre eles, a presidente Dilma Roussef, e  das comemorações ao Dia Nacional da Consciência Negra (20.11). Mas um dos pontos mais marcantes da abertura ficou a cargo de Ubiratan Castro, que fez o público de levantar e cantar junto “Um abraço negro”, reforçando a importância da solidariedade e respeito para esta cultura.

Fonte: http://culturabahia.com/2011/11/16/abertura-da-conferencia-setrorial-de-cultura-afrobrasileiras-em-salvador/

Após discutir com o marido mulher comete suicídio

Após discutir com o marido mulher comete suicídio

A senhora Aparecida Francisca de Jesus, 40 anos, foi encontrada morta por volta das 18 horas de terça-feira, dia 15, com uma corda amarrada ao pescoço e pendurada no telhado da sala da própria residência, localizada à Rua C do conjunto Mutirão, em Campo do Brito (SE).

Casada, mãe de quatro filho e natural de Jeremoabo, no Estado da Bahia, ela praticou o suicídio momentos depois de ter discutido com o companheiro, de acordo com informações passadas à polícia local por familiares.

A mulher foi encontrada pelo marido que ainda tentou socorre-la, mas a mesma já se encontrava em óbito.

Após a presença da Polícia Técnica do Instituto de Criminalística o corpo foi levado para autopsia no IML na capital sergipana.

Fonte: http://www.gilsondeoliveira.com.br/materia.php?id=3925

Descoberto mais um soldado da volante

Descoberto mais um soldado de volante

Por João de Sousa Lima

 É Inácio Ferreira Lima, 98 anos, natural de Antas, Bahia residente em um povoado de Jeremoabo. (É só o que o João das meninas e dos samangos pode adiantar). Serviu nas volantes de Odilon Flor, tenente Santinho e Zé Soares. Participou inclusive do tiroteio que matou um dos Cacheados. Em breve teremos essa reportagem lançada em vídeo.

 Fonte: http://lampiaoaceso.blogspot.com/

Nota do site: infelizmente não conseguimos mais informações como, por exemplo, que povoado reside este remanescente da volante? Há forte indício de ser ali na região da Alvorada. Quem sabe, Toinho de Juvininho nos conte esta história. 

Jeremoabo promove Semana da Consciência Negra

Jeremoabo promove semana da Consciência Negra

Visando comemorar o dia da Consciência Negra, a Secretaria de Educação e Cultura do Município de Jeremoabo, estará realizando até o dia 20 de novembro uma programação especial que tem como objetivo discutir a importância da cultura negra no Brasil e no Município, para refletir e apreciar juntamente com as escolas aqueles que por muito anos foram menosprezados e que hoje precisam de apoio e reconhecimento.

 A programação é a seguinte:

Quarta-feira – 16/11 – Serão realizadas atividades para discutir temas sobre o negro no Brasil. À noite, na Praça da Matriz, às 19h00, será exibido o filme Xica da Silva e logo após haverá discussão sobre o mesmo.

Quinta-feira – 17/11 – Haverá encontro entre as escolas  onde serão apresentadas poesias, textos, dramatizações, danças e músicas sobre a cultura negra. As atividades começarão às 19h00 na Praça da Matriz.

Sexta-feira 18/11 – Acontecerá uma passeata às 08h00, saindo da Praça do Forró, percorrendo as principais ruas da cidade, com a participação de comunidades quilombolas,  das escolas, municipais, estaduais e particulares.

Os quilombos surgiram a partir da resistência dos negros que fugiam da escravidão e Jeremoabo aparece como destaque, possuindo naquele tempo, quilombos considerados entre os mais importantes da Bahia e do Nordeste. Hoje temos 11 comunidades quilombolas em reconhecimento: Algodões, Algodões dos Negros, Angico, Baixão, Bolas, Baixão da Tranqueira, Baixão da Viração, Olho Dágua, Olho Dágua dos Negros, Vasos de Ouricuri e Viração e uma comunidade já reconhecida: Casinhas. .

 Por outro lado, temos uma formação meramente negra. Em 1778, numa carta à Portugal, o Padre Januário descreve Jeremoabo como um povoamento de 32 casas e 252 habitantes, sendo 247 negros e 5 brancos.


Fonte: Adalberto Moreno/www.jeremoaboagora.com.br.

Complemento: Pedro Son/www.jeremoabo.com.br

Jeremoabo: entre os 160 melhores do Estado em Desenvolvimento

Apresentamos estatística dos municípios componentes do Território Semiárido Nordeste II pelo índice FIRJAN de Desenvolvimento municipal 2009. O primeiro colocado absoluto é o município de Coronel João Sá, graças a um índice muito positivo de geração de emprego e renda, talvez pela construção da barragem do Gasparino. Para se ter uma idéia o município ocupa a 27º. colocação no Estado. Nosso município ocupa a 5ª. colocação no território e a 160º. no Estado.  É claro que é uma visão estatística que precisa ser analisada com outros indicadores, conforme explica o próprio FIRJAN. Nas análises, o cenário socioeconômico no qual os municípios estão inseridos deve ser considerado, haja vista sua influência no comportamento dos índices. Além disso, a ênfase da leitura não deve apenas se restringir a uma questão de posição no ranking, mas sim de se verificar se, de fato, houve progresso de um determinado município ou região, em dado período de tempo. Porisso, publicamos também a estatística de crescimento de 2000 a 2009.

O que é o índice FIRJAN

Consolidado como referência para o acompanhamento do desenvolvimento socioeconômico brasileiro, o Índice FIRJAN de Desenvolvimento Municipal (IFDM) acompanha três áreas de desenvolvimento: Emprego & Renda, Educação e Saúde e utiliza-se exclusivamente de estatísticas públicas oficiais.

Sua leitura é simples, o índice varia de 0 a 1, sendo que, quanto mais próximo de 1, maior o desenvolvimento da localidade. Além disso, sua metodologia possibilita determinar com precisão se a melhora relativa ocorrida em determinado município decorre da adoção de políticas específicas, ou se o resultado obtido é apenas reflexo da queda dos demais municípios.

Melhorar o patamar de um índice que reflete o grau de desenvolvimento local constitui resultado muito mais significativo do que galgar algumas posições no ranking.

O IFDM distingue-se por ter periodicidade anual e acompanha as seguintes variáveis:

Emprego & Renda:

  1. Geração de emprego formal
  2. Estoque de emprego formal
  3. Salários médios do emprego formal

Educação:

  1. Taxa de matrícula na educação infantil
  2. Taxa de abandono
  3. Taxa de distorção idade-série
  4. Percentual de docentes com ensino superior
  5. Média de horas aula diárias
  6. Resultado do IDEB

Saúde:

  1. Número de consultas pré-natal
  2. Óbitos por causas mal definidas
  3. Óbitos infantis por causas evitáveis

 

 

 

 

Índice FIRJAN de Desenvolvimento Municipal

BAHIA

IFDM

BAHIA

0,6535

Mediana

0,5202

Máximo

0,6374

2009

Mínimo

0,4451

Ranking IFDM

UF

Ranking IFDM                                       BAHIA - Ano 2009

IFDM

Nacional

Estadual

2807º

27º

BA

Coronel João Sá

0,6374

4353º

117º

BA

Antas

0,5543

4556º

140º

BA

Cipó

0,5406

4611º

149º

BA

Ribeira do Amparo

0,5370

4662º

160º

BA

Jeremoabo

0,5343

4665º

162º

BA

Fátima

0,5342

4753º

173º

BA

Euclides da Cunha

0,5289

4773º

178º

BA

Ribeira do Pombal

0,5268

4783º

179º

BA

Adustina

0,5262

4950º

225º

BA

Paripiranga

0,5141

5011º

240º

BA

Sítio do Quinto

0,5085

5138º

273º

BA

Cícero Dantas

0,4961

5164º

280º

BA

Heliópolis

0,4931

5181º

286º

BA

Pedro Alexandre

0,4914

5263º

316º

BA

Banzaê

0,4813

5426º

378º

BA

Santa Brígida

0,4544

5444º

383º

BA

Novo Triunfo

0,4507

5466º

395º

BA

Nova Soure

0,4451

 

 TABELA COMPARATIVA 2000 - 2009

IFDM

2000

2009

Variação

BA

291185

Heliópolis

0,2822

0,4931

74,7%

BA

291075

Fátima

0,3249

0,5342

64,4%

BA

290265

Banzaê

0,2944

0,4813

63,5%

BA

293076

Sítio do Quinto

0,3396

0,5085

49,7%

BA

290160

Antas

0,3723

0,5543

48,9%

BA

290920

Coronel João Sá

0,4401

0,6374

44,8%

BA

290035

Adustina

0,3851

0,5262

36,6%

BA

290780

Cícero Dantas

0,3636

0,4961

36,5%

BA

291810

Jeremoabo

0,4145

0,5343

28,9%

BA

291070

Euclides da Cunha

0,4235

0,5289

24,9%

BA

292760

Santa Brígida

0,3706

0,4544

22,6%

BA

292420

Pedro Alexandre

0,4010

0,4914

22,5%

BA

292305

Novo Triunfo

0,3691

0,4507

22,1%

BA

292290

Nova Soure

0,3699

0,4451

20,3%

BA

292660

Ribeira do Pombal

0,4422

0,5268

19,1%

BA

292650

Ribeira do Amparo

0,4711

0,5370

14,0%

BA

292380

Paripiranga

0,4638

0,5141

10,8%

BA

290790

Cipó

0,4985

0,5406

8,4%

 

Fonte: www.firjan.org.br

Pesquisa: Pedro Son

 

Copa Rural 2011: Resultados da 1a. rodada

 

II COPA RURAL

1ª. Rodada

Dada a largada para a Copa Rural 2011. Surpresa mesmo foi a derrota, na estréia, do Canché, campeão do ano passado. Domingo a rodada se inverte com os mandantes desta rodada indo jogar na casa do adversário. O Zonal 5 (Região de Lagoa do Mato) teremos reunião exclusiva na próxima quinta-feira para definição.

 Zonal 1

Tapera 0 x 1 Força Jovem

Lagoa do Raso 1 x 1 Boa Vista

Adriana 1 x 1 Sítio Taperinha

Zonal 2

Murití 3 x 2 Estaleiro de Cima

Tanque de Cima 2 x 2  Malhada Vermelha

Bolas 1 x 0 Baixa da Mata

Pau Dagua x Itapicuru: O time do Pau Dágua perdeu por W x 0, por não cumprir as exigências obrigatórias aos mandantes, como marcação do campo, redes e os bandeirinhas e Etc.

Zonal 3

Coelho 0 x 0  Rompe Gibão

Km 22 0 x 2 Monte Alegre

Zonal 4

Baixa da Pedra 2 x 0 Assentamento Paraíso

Caritá 2 x 3 Cordão

Feira Nova 1 x 0 Coríntias (Baixa da Pedra)

Adiado o jogo Lagoa Grande e Alvorada em função da morte do jovem Maurício. 

Zonal 5

Rodada adiada

Zonal 6

Cirica 1 x 0 Tranqueiras

Viração 2 x 1 Lagoa de Inácio

Zonal 7

Carnaíba 1 x 2 Belo Monte (Brejo Grande)

Incozeira 0 x 1 Água Branca

Lages 1 x 0 Canché

Lagoa do Mato do Sertão 2 x1  Brancos