Seleção Sub-17 de Jeremoabo goleia Antas

Seleção Sub-17 de Jeremoabo goleia Antas

Diante de poucos torcedores a seleção Sub-17 de Jeremoabo goleou por 4 a 1 a seleção sub-17 de Antas neste domingo no estádio João Isaias Montalvão. Os gols foram de Edinho (2) , klismam e Paulinho, Mateus fez o gol de honra dos antenses.

A seleção sub-17 jeremoabense jogou com Adriano (Lukas e Romário), Ronaldo, Gilmário, Dioclécio e Edvan. Edmar, Alisson Bicudinho, Edinho e Maikinho (Danilo). Thiago (Klismam) e Paulinho. Lázaro, Ristiélio e Erikinho. Técnico Zé de oliveira, Auxiliar; Beto de Olavo.

Seleção de Antas: Davi, Jonh, Walmar (Bruno), Samuel e Tales. Keké, Raí (Léo), Mateus e Vinicius. Alan (Carlos) e Danilo. Técnico: Petinha.

Arbitragem: Odires França – Auxiliares: Carlinhos e Gilmar Souza.

Por: Tony Filho/www.jeremoaboagora.com.br

 

Jeremoabo: Projetos Balde Cheio e Território da Cidadania serão lançados neste sábado

Jeremoabo: Projetos Balde Cheio e Território da Cidadania serão lançados neste sábado

Por Adalberto Moreno

A Secretaria da Agricultura, Irrigação e Reforma Agrária - SEAGRI, A Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional - CAR e o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas da Bahia-SEBRAE, estarão realizando neste sábado, 05, uma reunião para os lançamento dos Projetos Balde Cheio e Território da Cidadania, 2012 a 2015, que irão contemplar a região da Bacia Leiteira do Vale do Vaza Barris, visando o aumento da produção do Leite Bovino.

O Programa Balde Cheio é uma metodologia inédita de transferência de tecnologia que contribui para o desenvolvimento da pecuária leiteira em propriedades familiares. Seu objetivo é capacitar profissionais de extensão rural e produtores, promover a troca de informações sobre as tecnologias aplicadas regionalmente e monitorar os impactos ambientais, econômicos e sociais, nos sistemas de produção que adotam as tecnologias propostas.

Uma das principais estratégias do Projeto Balde Cheio são as parcerias efetuadas com diversos tipos de instituições públicas (órgãos de assistência técnica e extensão rural vinculados às Secretarias Estaduais de Agricultura, prefeituras, departamentos de agricultura municipais e instituições de ensino e pesquisa, instituições financeiras, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento) e privadas (cooperativas, laticínios, associações, federações de agricultura, SEBRAE, instituições de ensino e pesquisa, profissionais autônomos).

O envolvimento de parceiras distintas entre diferentes elos da cadeia produtiva do leite confere ao projeto uma base sustentável e dinâmica, colaborando para a formação de uma rede de trabalho em que ocorre uma intensa troca de informações e de conhecimentos.

Já o Projeto Territórios da Cidadania tem como objetivos promover o desenvolvimento econômico e universalizar programas básicos de cidadania por meio de uma estratégia de desenvolvimento territorial sustentável. A participação social e a integração de ações entre Governo Federal, estados e municípios são fundamentais para a construção dessa estratégia.

A reunião será na cidade de Jeremoabo no auditório do Espaço Festa & Cia, localizado na Rua da Alegria S/N, atrás do Posto de Saúde do Município, no horário das 09h00 às 11h00. O evento terá como público alvo produtores, empresários e os poderes públicos dos municípios de Jeremoabo, Santa Brígida, Pedro Alexandre, Coronel João Sá, Sítio do Quinto, Antas e Novo Triunfo.

 

Poema Sobrevivendo publicado em livro de antologia poética

Comemorando a impressão do meu livro “Mosaico”, recebo também exemplares da Antologia Poética publicada pela Videira Editora, com os poemas e poesias classificados no I Concurso Nacional Novos Poetas 2011, com apoio da TV Cultura e TV Brasil, onde tive a felicidade de classificar meu poema “Sobrevivendo”. Este é o terceiro prêmio que recebo, com publicações em livros, já que também fui premiado pela Editora Guemanisse com as crônicas “Rock tem idade?” e “O processo”. Divido com a família e os amigos este prêmio.


SOBREVIVENDO

 Pedro Son

 

Sobrevivi

atravessei um mar revolto, bravio

com tempestades violentas criadas por mim

meu barco, coitado, sem armas sem nada

velejando contra as ondas daquele oceano sem fim

 

Lutei

brava e desesperadamente para sair deste circulo

forças diminutas, pontos quase entregando

mas sem querer a ruptura final, o abismo

pois na luz do final ainda continuo te amando

 

Procurei

no firmamento, na galáxia mais distante

sombra de ti, vestígios de sua paz infinda

o último resto do seu carinho, do seu querer

pois a vontade de ter você inquieta-me ainda

 

Busquei

na harmonia da música, nas canções de lamento

afagos e carinhos para conter esta paixão

querendo encontrar nos acordes e nas vozes

um pouco de você, o amor e a razão

 

 

 

PSD: nova força política da Bahia

 

Política 
PSD emplaca 66 prefeitos e míngua ainda mais oposição

 

Com o prazo findado de filiações sem punições para o recém- -criado PSD - Partido Social Democrata, já se pode contabilizar a quantidade de prefeitos baianos que engrossaram as fileiras da legenda capitaneada no Estado pelo vice-governador e atual secretário de Infraestrutura, Otto Alencar. O partido que chegou com força na Bahia, conquistando doze deputados estaduais e seis federais, dentro de uma bancada composta por mais de 50 parlamentares na Câmara Federal, alcançou status em tamanho também com a adesão de administradores municipais.

Conforme o presidente estadual, 66 prefeitos de cidades, de diversas regiões do Estado, ingressaram na sigla, sendo o PMDB, o DEM e o PR os que mais perderam alcaides para o PSD. Consta que 24 prefeitos que adentraram na legenda eram do PMDB; 18 do DEM; 12 do PR e seis do PSDB, sendo os demais de partidos menores. Segundo Otto, em seis meses, o partido se ramificou por 405 municípios. A presença da agremiação em vários territórios ocorreu de forma rápida, superando o histórico de legendas que levam anos para obter o mesmo alcance.

Na Bahia, nas últimas eleições municipais, o PT e o PMDB eram os que mais tinham participação nos municípios, com grande número de filiados. O PSD arrastou prefeitos de cidades de todos os portes e conquistou políticos do interior com históricos diferenciados. Alguns deles, em dado momento do passado, compuseram o carlismo, a exemplo da prefeita de Barreiras, Jusmari Oliveira, que estava no PR, mas que já havia pertencido ao antigo PFL.

Além dela podem ser citados entre os de cidades de médio porte que seguiram para o novo ninho, o prefeito de Simões Filho, Eduardo Alencar, irmão do vice-governador; de Ribeira do Pombal, José Lourenço, mais conhecido como Zé Grilo, que deixou o ninho peemedebista; de Itamaruju (Extremo Sul), Manoel Pedro Soares, que pertencia ao PHS; de Jeremoabo, João Batista, ex-DEM; Euclides da Cunha, Fátima Nunes, ex-DEM, entre outros

Otto atribui a ida de muitos prefeitos para a legenda à “insatisfação” com o comando de seus partidos e à vinculação com as lideranças do PSD e deputados estaduais e federais que, ao mudarem, conseguiram carregar suas bases junto. “Eles não foram obrigados a vir. Vieram pela ligação que tinham conosco”, disse. Sua longa trajetória na política, com extensa rede de contatos no interior teriam também influenciado.

 “Nenhum partido começou tão forte e o que é bom é o clima de unidade que tem existido dentro do grupo. Isso é um bom presságio para as eleições”, frisou.  E por falar em sucessão municipal, a sigla terá 168 candidatos a prefeitos. Segundo ele, onde não houver candidaturas, o PSD irá apoiar postulantes de partidos da base de sustentação ao governo.

 “Dentro do possível, eu, como presidente, vou fazer esforço para buscar o consenso para que os partidos possam caminhar na aliança, que é o melhor caminho para a vitória”, afirmou.

 Fonte: http://www.tribunadabahia.com.br/news.php?idAtual=97478 (noticia completa)

 

 

Jeremoabo Debate: Emancipação 06 de Julho ou 25 de Outubro?

Repasso Moção de Congratulações apresentada na Assembléia Legislativa da Bahia apresentada pelo Deputado Sidelvan Nóbrega (PRB) em 01.11.2011. Equívoco ou propósito?

A Moção congratula-se com a data de 25 de Outubro como de emancipação político-administrativa de Jeremoabo, tese já defendida por mim. Na verdade esta data (25.10.1831) é a data de transformação da Freguesia em Vila, que representava verdadeiramente emancipação mas não na totalidade absoluta e plena. Pesquisas por mim efetuadas mostram que, a partir desta data, Jeremoabo possuía Câmara Municipal, sendo seu primeiro Presidente, José Rabelo de Morais, mas não detinha nenhuma autoridade política-administrativa. A Câmara era um Conselho, que representava a Vila, mas as decisões eram tomadas pela autoridade provincial em Salvador. Para se ter uma idéia, pesquisei várias atas da Câmara Municipal daquele período e detectei várias reclamações enviadas ao provincial com pedidos de providências para um professor primário que não cumpria bem suas obrigações, um carteiro, etc. Ou seja, a atuação era muito limitada. Por outro lado, encontramos documentos inclusive com previsão orçamentária da Câmara Municipal.

O fato é que, ainda também defendo esta data como a data magna de Jeremoabo, mas precisamos avançar um pouco mais para consolidá-la ou, porque não, celebrarmos as duas datas como emancipatórias do município. Estou avançando nas pesquisas, consolidando num artigo para encaminhamento à Câmara visando abertura de sindicância e homologação das datas.

 Pedro Son

Eis a Moção aprovada:

MOÇÃO Nº 13.554/2011

O Deputado infrafirmado requer, com fundamento no art. 141, § 1º, do Regimento Interno desta Casa, que seja aprovada e consignada nos seus anais a presente MOÇÃO DE CONGRATULAÇÕES pela passagem do aniversário de emancipação político-administrativa da cidade de Jeremoabo, comemorado no dia 25 de outubro.

Terra dos Tupinambás Muongorus e Cariacás, no século XVI foi doada pelo rei João III, a Garcia D' Ávila que incendiou a povoação e depois a reconstruiu.  Jeremoabo, que em Tupinambá significa "plantação de abóbora", foi elevada a categoria de julgado em 1698.

A freguesia de São João Batista de Jeremoabo foi criada 1778 pelo Governador Geral do Brasil. Por Decreto de 25 de outubro de 1831, Jeremoabo foi elevada a Vila e em 6 de julho de 1925 a condição de cidade.

O Município de Jeremoabo está localizado na mesorregião Nordeste baiano e na microrregião Jeremoabo, a uma distância de 370 km de Salvador. Tem uma área de 4.761,114 e população de 37.661 habitantes, IBGE/2010.

Jeremoabo é o maior produtor de mel do Nordeste baiano, segundo o IBGE. Sua economia é baseada na agricultura, onde é um grande produtor de manga, na pecuária destacando-se na criação de bovino, suíno, eqüino, asinino, caprino, muar e ovino, na avicultura, importante produtor de ovos e galinhas. a indústria e o comércio muito contribuem para o desenvolvimento econômico de Jeremoabo.

O Município possui algumas serras, montes, tabuleiros, poucos rios, sendo os principais o Vaza-Barris, o rio Vermelho e o rio Jeremoabo e ainda lagoas sendo as mais importantes: a Lagoa da Canabrava, a Lagoa do Pocosó, A Lagoa de Martiniano.

O patrimônio natural e histórico de Jeremoabo é exuberante e atrai visitantes de todo o Brasil, com destaque para as Fonte da Tapera, Pedra Furada, Rio Vaza-Barris, Serra do Cavalheiro. Destaca-se no seu Patrimônio Histórico: Bela Vista de Brotas, Casa do Barão de Jeremoabo, Matriz de São João Batista, dentre outros, belos e importantes.

A cultura do Município esta representada pela Cavalgada dos Cavaleiros, realizada em abril, nas festas religiosas, juninas e cívica.

Congratulo-me com os jeremoabenses pela passagem do aniversário de 86 anos de emancipação político-administrativa de Jeremoabo, que é um dos Municípios mais promissores da Bahia.

Ante o exposto, atendidas as formalidades de praxe, requeiro que conste na ata desta Sessão Legislativa, MOÇÃO DE CONGRATULAÇÕES pelo aniversário de emancipação política do Município de Jeremoabo.

Dê-se ciência desta Moção ao Excelentíssimo Senhor Prefeito, João Batista Melo de Carvalho, ao Excelentíssimo Senhor Presidente da Câmara Municipal e aos Excelentíssimos Senhores Vereadores de Jeremoabo.

Sala das Sessões, 01 de novembro de 2011

SIDELVAN NÓBREGA

DEPUTADO ESTADUAL (PRB)

Fonte: www.al.ba.gov.br/docs/proposicoes2011/MOC_13_554_2011_1.rtf

 

Ambulância de Jeremoabo cai em barranco na BR 110

Ambulância da cidade de Jeremoabo cai em barranco na BR 110- fotos

Um acidente envolvendo uma ambulância da cidade de Jeremoabo, aconteceu na noite do último domingo (30/10), por volta das 7 horas, na BR 110, 3km após o Povoado Riacho.

Durante o retorno para a cidade , após deixar um paciente em Paulo Afonso,  o condutor da ambulância de Jeremoabo, tentou desviar de um cachorro que atravessava pelo meio da pista.

O motorista que não foi identificado perdeu o controle e caiu em um barranco. Ele não se machucou, foi apenas um susto.

A Polícia Rodoviária Federal foi acionada, esteve no local e fez o registro da ocorrência.

 Fonte: www.chicosabetudo.com.br

Jeremoabo: parentes e amigos lembram de entes queridos falecidos

Jeremoabo: parentes e amigos lembram de entes queridos que já partiram

por Adalberto Moreno

 

Hoje, 02 de novembro, comemora-se o Dia dos Finados, data em que se celebra a vida eterna das pessoas queridas que já faleceram. É o Dia do Amor, porque amar é sentir que o outro não morrerá nunca.

Desde o século 1º, os cristãos rezam pelos falecidos; costumavam visitar os túmulos dos mártires nas catacumbas para rezar pelos que morreram sem martírio. No século 4º, já encontramos a Memória dos Mortos na celebração da missa. Desde o século 5º, a Igreja dedica um dia por ano para rezar por todos os mortos, pelos quais ninguém rezava e dos quais ninguém se lembrava.

Desde o século XI, os Papas Silvestre II (1009), João XVIII (1009) e Leão IX (1015) obrigam a comunidade a dedicar um dia por ano aos mortos. Desde o século XIII, esse dia anual por todos os mortos é comemorado no dia 2 de novembro, porque no dia 1º de novembro é a festa de “Todos os Santos”.

O Dia de Todos os Santos celebra todos os que morreram em estado de graça e não foram canonizados. O Dia de Todos os Mortos celebra todos os que morreram e não são lembrados na oração.

Em Jeremoabo, os cemitérios abriram as portas cedo para receber os visitantes no Dia de Finados. Logo cedo, às 6h da manhã,  começou uma movimentação com barracas, distribuição de flores, velas, fósforos e água, que foram  organizadas pela empresa Secof. Muitas pessoas passaram o dia visitando túmulos de amigos e familiares que já se foram. A emoção no cemitério São João Batista, como sempre foi intensa, porque é o cemitério mais antigo da cidade e abriga um número maior de sepulturas. O cemitério São João Batista pertence à Paróquia de Jeremoabo e foi reformado recentemente pela comunidade.

No cemitério Jardim Alto Bonito, de propriedade da empresa Seguro de Cobertura Familiar-SECOF, a movimentação foi pequena, visto que é um cemitério novo, inaugurado no dia 10 julho deste ano. É um dos poucos no interior da Bahia construído de acordo com as normas dos órgãos ambientas.

O padre José Ramos Neves realizou a missa de finados pela manhã, na Igreja Matriz de São João Batista, e vai celebrar à tarde no cemitério São João Batista às 16h30 e à noite novamente na Igreja da Matriz, às 19h00.

fonte: www.jeremoaboagora.com.br