Jeremoabo-BA: comunidades reunidas de Sitio alagoinhas, Adriana e Bananeirinha são reconhecidas como remanescentes de quilombos

Categoria: Política
Criado em Domingo, 10 Fevereiro 2019 15:07
Publicado em Domingo, 10 Fevereiro 2019 15:07
Escrito por Pedro Son
Acessos: 419

Agora são 12 comunidades oficialmente reconhecidas

Jeremoabo-BA: comunidades reunidas de Sitio Alagoinhas, Adriana e Bananeirinha são reconhecidas como remanescentes de quilombos

Motivo de alegria para as comunidades remanescentes de quilombos de Jeremoabo-BA; mais três comunidades foram reconhecidas como comunidades remanescentes de quilombos, pela Fundação Palmares.

A Portaria 323, de 28.11.2018, publicada no Diário Oficial da União, certifica as comunidades de Sitio Alagoinhas, Adriana e Bananeirinha como comunidades quilombolas e aumenta o número de reconhecimentos no município, que coloca o município como dos principais centros de luta e resistência do afrodescendente na Bahia e no Nordeste do Brasil, além de ter disparadamente o maior número de comunidades reconhecidas do Território Semiárido Nordeste II.

Agora são 12 (doze) as comunidades reconhecidas: Casinhas, Baixa dos Quelés (que engloba Baixa da Lagoa e Olhos D’água), Viração (junto com Ciriquinha) e Juazeiro dos Capotes (incluindo Catuabo e caboclos) e Sitio Alagoinhas (com Adriana e Bananeirinha). .

Além de Jeremoabo apenas Banzaê (4 comunidades), Cipó (3 comunidades), Fátima (uma comunidade) e Ribeira do Pombal (uma comunidade), possuem comunidades reconhecidas.