GAROTAS DE PROGRAMA SÃO PRESAS APÓS ROUBAR E MATAR UM DOS CLIENTES EM JEREMOABO (BA), DIZ PM

As autoras foram presas e os pertences recuperados

GAROTAS DE PROGRAMA SÃO PRESAS APÓS ROUBAR E MATAR UM DOS CLIENTES EM JEREMOABO (BA), DIZ PM

Por volta das 23h45 do sábado (5), a Central de Operações de Jeremoabo informou que no Conjunto João Paulo II havia duas pessoas feridas por arma branca. Os policiais se dirigiram ao local e foram informados que as vítimas já haviam sido socorridas para o hospital da cidade.

Buscando mais informações sobre o ocorrido junto a populares, os policiais foram informados que duas mulheres, uma morena e outra branca, haviam desferido golpes de faca nas vítimas.

Em posse das informações, os policiais efetuaram buscas pelo bairro, até que conseguiram localizar as autoras, de nome Beatriz Caroline do Nascimento Nunes, de 21 anos, e Aline de Freitas, de 26 anos, que são naturais de Alagoas e estavam em um posto de abastecimento na BR-110 tentando empreender fuga ao seu estado de origem.

Após abordagem, as autoras confessaram que golpearam as vítimas com uma faca do tipo peixeira e um canivete e que seriam garotas de programa e estariam sendo abrigadas desde o dia 04 de outubro na casa das vítimas a fim de juntar algum dinheiro com sua atividade. Com as autoras, foram encontrados alguns pertences das vítimas.

As autoras e os pertences recuperados foram apresentados à Delegacia de Polícia para registro da ocorrência, sendo lavrado o flagrante de latrocínio.

Infelizmente, uma das vítimas veio a óbito, após intervenção cirúrgica devido à gravidade de suas lesões, no Hospital Nair Alves de Souza, em Paulo Afonso.

Material apreendido:

– A quantia de R$ 196,25 roubados das vítimas;

– 01 (um) celular da marca Motorola;

– 01 (uma) TV 32′ da marca LG;

– 01 (uma) faca tipo peixeira;

– 01 (um) canivete;

– 01 (uma) carteira com documentos de uma das vítimas.

 

Ajude a Polícia Militar!

Whatsapp Disk Denúncia 20° BPM

(75) 98839-7572

 

Fone: PA4.COM.BR, com informações e fotos do 20º Batalhão da PM-BA

COMPLEMENTO DESTE SITE: Informações colhidas dão conta que as mulheres chegaram na rodoviária e pegaram duas motos sem destino certo. Tudo que queriam era um “barzinho” para passar a noite. As motos a deixaram na Praça da Igreja Nossa Senhora da Rosa Mística e, por informações, chegaram num lugar no Bairro João Paulo II. Ficaram algum tempo, mas os proprietários informaram que iriam fechar o estabelecimento. A partir daí passaram a atacar os donos do bar, ocorreram brigas corporais resultando na morte do proprietário.

Nosso site recebeu a seguinte informação: (vou preservar a fonte sob sigilo jornalístico) Pelas informações, o senhor não era cliente dela não.La na casa desse senhor tinha um bar e ela estava acompanhada de um homem bebendo,como eram de Alagoas disseram aos donos da casa que não tinha pra onde ir,eles foram ofereceram um dos quartos para no dia seguinte elas seguirem viagem.Elas aproveitaram enquanto o casal (Donos da casa) estavam dormindo e os esfaquiaram. Elas já vieram intencionadas. Foi latrocinio

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar